segunda-feira, 2 de março de 2009

P­ara não per­der atle­tas, CBB con­ta com ­apoio das fe­de­ra­ções


Da­niel Bri­to
Agên­cia Es­ta­do


São Pau­lo - A es­ta­tu­ra ele­va­da, a gran­de en­ver­ga­du­ra dos bra­ços e a boa im­pul­são são ca­rac­te­rís­ti­cas em co­mum dos jo­ga­do­res de vô­lei e bas­que­te.

Por cau­sa de­las, a ca­rio­ca Tha­ma­ra de Frei­tas, 15 ­anos, cha­mou a aten­ção dos téc­ni­cos de vô­lei do Flu­mi­nen­se, no Rio, que a con­vi­da­ram pa­ra fa­zer um tes­te. Vi­ram na me­ni­na a téc­ni­ca, ain­da que pou­co de­sen­vol­vi­da, pa­ra bri­lhar no ho­je se­gun­do es­por­te ­mais po­pu­lar do Bra­sil. Pa­ra sor­te de Cé­sar Gui­det­ti, trei­na­dor da se­le­ção bra­si­lei­ra de bas­que­te fe­mi­ni­no sub-16, Tha­ma­ra não gos­tou do tes­te no Flu.

‘‘Já trei­na­va bas­que­te quan­do me cha­ma­ram pa­ra fa­zer vô­lei. Não gos­tei do es­por­te, não tem tan­ta emo­ção quan­to o ­basquete’’, de­fen­deu a pi­vô da equi­pe co­man­da­da por Gui­det­ti. A se­le­ção se pre­pa­ra pa­ra a Co­pa Amé­ri­ca, em ju­nho, em Bue­nos Ai­res. A com­pe­ti­ção clas­si­fi­ca­rá as qua­tro me­lho­res se­le­ções pa­ra o Mun­dial Sub-17, em 2010, sem se­de de­fi­ni­da.

Tha­ma­ra me­de 1,83m de al­tu­ra. Ela é a ­mais al­ta do elen­co de Gui­det­ti e ­atua co­mo pi­vô ao la­do da pau­lis­ta Mar­tha Imo­nia­na, que tem a mes­ma ida­de e é um cen­tí­me­tro ­mais bai­xa.

Gui­det­ti co­me­mo­ra a pre­sen­ça de Tha­ma­ra e Mar­tha em seu ti­me. Mas sa­be que é di­fí­cil con­ven­cer ou­tras ga­ro­tas al­tas a jo­gar bas­que­te. ‘‘Mui­tas me­ni­nas nes­sa ida­de vão jo­gar ­vôlei’’, cons­ta­tou o trei­na­dor. ‘‘O Bra­sil es­tá ca­ren­te de me­ni­nas al­tas. Mar­tha e Tha­ma­ra têm uma boa es­ta­tu­ra, mas não são as ­mais al­tas nem as ­mais bai­xas que já ti­ve­mos no gar­ra­fão da se­le­ção nes­sa fai­xa ­etária’’, ex­pli­cou.

Só pa­ra efei­tos com­pa­ra­ti­vos, Tha­ma­ra tem a mes­ma al­tu­ra da ala-pi­vô mi­nei­ra Fer­nan­da Bel­ling, 26, que dis­pu­tou os Jo­gos de Pe­quim/2008. Não bas­tas­se a con­cor­rên­cia com o vô­lei, o bas­que­te ain­da so­fre com a fal­ta de re­co­nhe­ci­men­to do pú­bli­co. ‘‘Quan­do as pes­soas me ­veem na rua com uni­for­me de trei­no, me per­gun­tam se sou jo­ga­do­ra de vô­lei ou de ­futebol’’, con­tou Mar­tha.

In­fluên­cia ca­sei­ra

Mar­tha jo­ga pe­lo Cen­tro Olím­pi­co, de São Pau­lo, e nun­ca ex­pe­ri­men­tou o es­por­te ‘‘­concorrente’’ por cau­sa da in­fluên­cia que so­fre den­tro de ca­sa.

‘‘Mi­nha ir­mã jo­ga bas­que­te em São Cae­ta­no e eu co­me­cei por cau­sa ­dela’’.

Fi­lha de pai ni­ge­ria­no e mãe bra­si­lei­ra, ela es­tá fa­zen­do um tra­ba­lho es­pe­cí­fi­co pa­ra dei­xar o gar­ra­fão e se tor­nar ala.

‘‘O Bra­sil pre­ci­sa de ­alas al­tas, co­mo a Mar­tha vai ser da­qui a uns ­anos’’, dis­se Gui­det­ti. A co­mis­são téc­ni­ca es­ti­ma que ela po­de cres­cer de ­seis a oi­to cen­tí­me­tros.

Tha­ma­ra, por sua vez, ­atua pe­la Man­guei­ra e sua de­di­ca­ção ao es­por­te ser­ve de exem­plo pa­ra a ir­mã ­mais no­va, de 12 ­anos, que co­me­ça a pe­gar os pri­mei­ros re­bo­tes e fa­zer ces­tas nas qua­dras da agre­mia­ção ver­de-ro­sa.

‘‘Te­nho 15 ­anos e che­guei à se­le­ção bra­si­lei­ra. Não há por que de­sis­tir ago­ra. Que­ro ir ­mais lon­ge den­tro do ­basquete’’, pla­ne­jou Tha­ma­ra, fi­lha de um se­gu­ran­ça e uma fun­cio­ná­ria de su­per­mer­ca­do do Rio de Ja­nei­ro.

Pa­ra não dei­xar me­ni­nas de es­ta­tu­ra aci­ma da mé­dia mi­grar pa­ra o vô­lei, Gui­det­ti, téc­ni­co ex­clu­si­vo da se­le­ção des­de 2006, con­ta com a co­la­bo­ra­ção das fe­de­ra­ções es­ta­duais.

‘‘O pes­soal da Ba­hia, por exem­plo, in­di­cou uma me­ni­na de 14 ­anos com 1,92m que es­tá trei­nan­do no Fi­na­sa e de­ve ser con­vo­ca­da em ­breve’’.

Fonte: matéria publicada no jornal Folha de Londrina, que o Marival Junior avisou que tinha publicado em seu blog (Basquete em Londrina) na caixinha de comentários.



P.s: a publicação dessa reportagem é (segundo o Blogger) o post de número 10.000 desse blog.

Não imaginava chegar até aqui, nem arrumar tanto assunto.

Mas aqui estamos.

Um abraço a todos que me ajudam a manter o PBF vivo.

14 comentários:

Anônimo disse...

Bert
Parabéns!!!!
Há muito tempo acompanho o PBF!!! Nem sempre me manifesto, porém sempre me emociono vendo reportagens de tempos remotos!!!
Quantas jogadoras vimos surgir nestes 10.000 post!!! Quanto assunto e quanta novidade voce nos proporcionou!!!!
Mais uma vez, parabéns e obrigado!!!!
O basquete feminino também agredece a sua dedicação!!! Que venham os próximos 100.000 post!!!!

Paulista

sta.ignorancia® disse...

parabéns bert! mas guarda as lágrimas pra quando a gente chegar a 100.000 posts...rsrs


Em relação à matéria, é como já disse: menina alta sempre tem, o problema é encontrarem... dificilmente vamos encontrar jogadoras altas em SP onde a concorrencia do volei é acirrada... nós temos que buscar nesses estados "periféricos", onde o volei tbm ainda não é forte como a Bahia, o Espirito Santo (tem uma menina 93 lá que tem 1,90) ou em minas gerais que sempre tem meninas altas, o que eu acho impressionante... as equipes do sul são tradicionalmente altas... a questão é procurar!!!

Anônimo disse...

PARABENS BERT!! SO COM ESTA PAIXÃO MESMO PARA CHEGAR A ESTA MARCA!!!

UM ABRAÇO

ROGÉRIO

Anônimo disse...

PARABENS BERT!! SO COM ESTA PAIXÃO MESMO PARA CHEGAR A ESTA MARCA!!!

UM ABRAÇO

ROGÉRIO

Rodrigo Alves disse...

Parabéns, Bert! Aguardo os próximos 10.000. Abração!

Bert disse...

Obrigado, Rodrigo, Rogério, S.I. (rs) e Paulista!

Um grande abraço.

Anônimo disse...

PARABENS BERT!!
OBRIGADA POR TODA ESSA DEDICAÇÃO, E INFORMAÇÃO( sabe q sem vc ,não sou nada rsrsr)
obrigada sempre,
um abraço

Marival Junior disse...

Bert
parabéns e continue com esta empreitada!
Marival Jr

fábio balassiano disse...

parabéns, amigo
que venham outros 10 mil posts.
preferencialmente os com a sua assinatura.
nada de preguiça

abs, fábio balassiano

Anônimo disse...

....não sou nada sem voce,,,
ass,cleide de são paulo RSRSRSRRSRS
ATÉ

Bert disse...

Valeu, Cledinha (mesmo anônima, sabia que era você - Hahahha!)! Bj!

Obrigado, Marival!

Abraço, meu amigo Bala!

Paulino disse...

E nois Piki!!!
Quem diria que de uma lista de discussao, passariamos a um Painel do Basquete... e chegamos aos 10 mil!!!
Sucesso!
Quero ser correspondente da Rep Tcheca em 2010!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Paulino

Anônimo disse...

uhulll ... tamarao na seleçao o/ o/

Anônimo disse...

FELICIDADES BERT
gostamos mto do seu blog.
Parabens!